quinta-feira, 26 novembro, 2020

Negociações em Bitcoin Disparam na Argentina e no Brasil

Com a desvalorização do Peso e do Real, investidores recorrem ao Bitcoin para se proteger do aumento da inflação.

Altcoins

Ripple Quer Se Tornar A Amazon do Mundo das Criptomoedas

A empresa de blockchain, Ripple, agora está planejando expandir seu uso para muito além de apenas agilizar pagamentos internacionais em parceria com bancos de...

Praia Sul Coreana Quer Que Você Use Ethereum em Suas Lojas

Os visitantes da praia de Haeundae-gu, na cidade de Busan, na Coreia do Sul agora podem pagar com Ethereum em todas as lojas à...

Enquanto DeFi Continuar em Destaque, Chainlink Estará no Coração da Revolução das Cryptos

Em todas as plataformas financeiras descentralizadas existentes, houve uma velocidade monumental de utilização. Apesar de outras moedas digitais terem um desempenho abaixo do esperado,...

Segundo Fundador da Pantera Capital, Bitcoin Subirá Muito, Mas Altcoins irão Explodir

Dan Morehead, da Pantera Capital, afirmou que acredita que os tokens de altcoins terão um desempenho melhor do que o preço do Bitcoin nos...
Redação
Redaçãohttps://www.cybermoney.com.br
Equipe de redação do Cyber Money.

Embora o DeFi esteja em evidencia, é o Bitcoin que garante que moedas instáveis como as nossas, não percam poder de compra perante a inflação.

De acordo com um relatório recente da empresa de análise Arcane Research, o Bitcoin acaba de quebrar recordes de preços na Argentina, Brasil e Turquia – com crescimento (em termos fiduciários) de 169%, 20% e 5%, respectivamente, nos últimos dois meses.

As estatísticas porém, podem dizer mais sobre a fragilidade das economias dos dois países. No caso do Brasil, um aumento no volume de negociações em Bitcoin, sugere que as criptomoedas podem estar ganhando o interesse entre os investidores, como uma proteção de capital em comparação a outros ativos fiduciários mais comuns.

Volume de Bitcoins Combinado Brasil
Volume de negociações de Bitcoin no Brasil desde janeiro de 2020.

De fato, com a queda da taxa Selic na última semana para 2%, muitos investidores tem buscado mais ativos de risco (ações, criptomoedas), ao invés de fundos, CDBs, Tesouro, entre outros.

De acordo com o site de métricas Useful Tulips, o Brasil acabou de registrar mais de US$ 700.000 em volume de negócios com Bitcoin na semana passada, um novo recorde neste ano.

Enquanto isso, a Argentina na semana passada, ultrapassou US$ 1 milhão em volume semanal de negociação de Bitcoin, de acordo com os dados do Useful Tulips, um número nunca antes alcançado pelos investidores do país.

Muito dessa fuga de investimento para as criptomoedas, se deve a grave crise econômica Argentina, agravada ainda mais pela pandemia do COVID-19.

ImagensCanva
Com Informações deDecrypt
- Ads -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Ads -

Últimos Artigos

10.000 ATMs de Bitcoin no Mundo e Estamos Apenas Começando

As instalações globais de ATMs de Bitcoin atingiram 10.000 unidades em 16/09, sete anos após a estreia da primeira máquina. Seus números aumentaram em...

América Latina envia mais de US$ 1 bilhão em criptomoedas para a Ásia

A Chainalysis, empresa de análise de blockchain com sede em Nova York, publicou uma nova pesquisa destacando que houve até 200.000 transações em criptos...

Grande Seguradora Suíça Agora Aceita Pagamentos em Criptomoedas

De acordo com um anúncio no site da seguradora de 31 de agosto, a Atupri Health Insurance está fazendo parceria com a empresa de...

Samsung Integra Solução de Identidade Baseada em Blockchain no Armazenamento de Chaves

Ontem, a maior operadora de telecomunicações sul-coreana SK Telecom, anunciou que acabou de integrar sua solução de identidade móvel baseada em distributed ledger technology...

Ripple Quer Se Tornar A Amazon do Mundo das Criptomoedas

A empresa de blockchain, Ripple, agora está planejando expandir seu uso para muito além de apenas agilizar pagamentos internacionais em parceria com bancos de...

Altcoins Para Ficar de Olho

rippleXRP
$ 0.481228
$ 0.481228
29.88%
cardanoCardano
$ 0.130991
$ 0.130991
22.52%
chainlinkChainlink
$ 12.04
$ 12.04
20.87%
eosEOS
$ 2.82
$ 2.82
23.9%
iotaIOTA
$ 0.290117
$ 0.290117
22.4%
0x0x
$ 0.390391
$ 0.390391
21.48%